O deputado Dr. Neidson (PMN), na sessão ordinária desta terça-feira (1), falou sobre o que foi postado em redes sociais, dizendo que empresários não querem que a ponte binacional seja construída em Guajará-Mirim, e sim em Costa Marques. Ele lembrou que existe um decreto assinado entre o ex-presidente Lula e o governo boliviano, mas na postagem foi vista a aflição do povo do país vizinho.

“A Assembleia Legislativa sempre defendeu a construção da ponte. Na época do ex-governador Daniel Pereira vieram aqui pessoas interessadas em importação e exportação. Por isso agora apresentamos um requerimento pedindo para o presidente da República e para a bancada federal trabalharem para que seja autorizado o início das obras da ponte ligando Guajará-Mirim e Guayaramerin”, acrescentou.

Ele citou que já existe o projeto para a construção dessa ponte, que deverá incentivar o comércio de produtos de Rondônia com a Bolívia. “Aqui ninguém é contra a construção de uma ponte também em Costa Marques. Mas lá ainda é preciso elaborar um projeto ainda”, detalhou Dr. Neidson.

O parlamentar disse, também, que já estavam implantados em Rondônia transplantes renal e de córneas, e que outros transplantes deveriam também ser iniciados, mas tudo isso está indo por água de abaixo. Ele lembrou que hoje se faz somente a captação de órgãos no Estado.

“Através da nossa Comissão de Saúde vamos convidar o secretário de Saúde para conversar sobre o transplante e saber a razão de tudo estar parado. Vamos tratar com o Governo para que a atividades voltem e possamos atender nossa população”, finalizou Dr. Neidson.

Texto: Nilton Salina-ALE/RO
Foto: Marcos Figueira-ALE/RO

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem